top of page
Buscar
  • Foto do escritorAbw Crew

Os 9 Elementos do Hip Hop



Você conhece os 9 elementos da cultura Hip Hop? 


Se você já se envolveu com o Hip Hop, então já deve conhecer os 4 elementos que constituem esse movimento. Esses elementos artísticos foram difundidos nas Jams (evento musical relativamente informal) e Block Parties (uma festa pública ao ar livre organizada pelos moradores de um quarteirão ou bairro) que eram espaços pacíficos destinados a ações culturais como alternativa às guerras de gangues que dominavam o Bronx na cidade de Nova Iorque nos anos 60/70. Esses 4 elementos são o Dj, o MC, o Breaking e o Graffiti, que foram colocados pelos irmão jamaicanos Cindy e Clive Campbell (Dj Kool Herc) em um mesmo salão de festa, realizando a primeira festa de Hip Hop com os 4 elementos artísticos.


O quinto elemento, o “Conhecimento”, foi trazido por Afrika Bambaataa, fundador do maior grupo organizado da história do Hip Hop, a Universal Zulu Nation. Já os outros elementos (Beat Box, Moda de Rua, Linguagem de Rua e Empreendedorismo de Rua) foram introduzidos pelo MC, produtor musical e filósofo da cultura Hip Hop, o KRS-One. 


DJ


O DJ (Disc Jockey) são os responsáveis pelos toca discos, usando discos de vinil, fitas e CD’s para criar, recriar e reproduzir, interagindo artisticamente com uma música gravada, cortando, mixando e riscando a canção. Servindo, além de inspiração para o estilo de instrumentação musical, como também pelo desejo e habilidade em criar, modificar e transformar a tecnologia musical. Como elemento primordial na Cultura Hip Hop, os DJ’s foram os responsáveis pelo desenvolvimento dos elementos MC’s e Breaking.



MC


O MC, ou Mestre de Cerimônia, é o porta-voz ou poeta do Hip Hop, direcionando e movimentando a multidão com a sua rima, criando e cantando o seu Rap, conseguindo traduzir em palavras a essência do Hip Hop. Por isso os MC’s são considerados os representantes da Cultura Hip Hop.



GRAFFITI 


O Graffiti é o elemento responsável pela forma de expressão artística, com Spray ou Aerossol, deixando marcas em muros, paredes, ou qualquer superfície para se comunicar com outras pessoas através do registro de seus nomes, histórias, crenças e pensamentos.



BREAKING


O Breaking ou Break Dance é o elemento destinado aos dançarinos na Cultura Hip Hop, os B-boys e B-Girls, reunindo diversas referências nos passos de danças, sendo uma forma de expressão corporal e de comunicação. Outros estilos de dança que fazem parte são o Popping, House, Locking, Up-Rocking, Electric Boogie, Top Rocking Hip Hop Freestylo, etc.


CONHECIMENTO DE RUA


O Conhecimento das Ruas são os saberes acumulados pelas famílias que vivem no gueto, nos grandes centros urbanos, servindo como base para a sobrevivência nesses ambientes, incluindo técnicas, frases, códigos de conduta e termos. É um conhecimento fora do mundo acadêmico, sendo uma sabedoria de rua acumulada pelo autoconhecimento cultural do Hip Hop.


BEATBOX


O BeatBox é a arte na Cultura Hip Hop de criar sons com ritmo com várias partes do corpo, usando as mãos, a boca e a garganta. Os que praticam são conhecidos como “Caixas de Ritmo Humanas”, ou seja, é usar o corpo como instrumento, imitando principalmente as batidas eletrônicas no RAP.


MODA DE RUA


A Moda de Rua se refere a todas as tendências e estilos do modo de se vestir na Cultura Hip Hop, comunicando e expressando aspectos sociais, ideológicos, econômicos e de identidade, ou seja, é uma forma de auto expressão, códigos culturais e tradições de grupos sociais.


LINGUAGEM DE RUA


A Linguagem de Rua é a forma de comunicação das ruas, fora da linguagem formal, sendo uma forma de se libertar do confinamento da linguagem-padrão imposta. É a linguagem da Cultura Hip Hop, é a forma dos Hip Hoppers expressarem tudo que pensam e sentem sobre o mundo e a vida a partir de uma linguagem própria, e que nem sempre é falada. É feita através de palavras, gestos, códigos, gerando melhor expressão e compreensão nas visões coletivas, internas e culturais do Hip Hop.


EMPREENDEDORISMO DE RUA


O Empreendedorismo de Rua é a forma de negociar, vender, consumir serviços e produtos, incluindo técnicas e práticas empresariais, focando no espírito de motivação de se auto empregar, de ser um inventor, criativo e auto instruído seguindo uma lógica diferente da lógica do mercado. Empreender no Hip Hop é buscar a construção de um mercado justo, através do espírito de autoconstrução e autodidatismo baseado no autoconhecimento gerado no Hip Hop.


E aí, qual a sua visão sobre os elementos do Hip Hop? 




30 visualizações0 comentário

Opmerkingen


bottom of page